“Operários” pelo Útero no Centro Cultural Vila Flor

Há exatamente 20 anos nascia o Útero. Para celebrar a data a companhia regressa a Almada e Guimarães, fundamentais para o seu crescimento criativo. Cidades com histórias diferentes, mas com o mesmo amor pela cultura e com uma relação forte com as fábricas e os trabalhadores que diariamente lutam pela vida e pela dignidade da sua vida.

“Operários” é uma homenagem aos trabalhadores fabris que, tal como os artistas, pensam o mundo na sua imensa fragilidade e força de transformação. Foi esta parábola que o Útero estreou em julho no Festival Internacional de Almada e que no próximo sábado, 30 de setembro, às 21h30, leva ao palco do Centro Cultural Vila Flor em Guimarães.

A peça, interpretada por Miguel Moreira e Romeu Runa, conta com a participação de Sara Garcia, Beatriz Bizarro, Teresa Esteves da Fonseca e ShadowMan.

Com “Operários” o Útero celebra também um ciclo que começou em 2011 com “The Old King” e que deu início a um processo artístico de cocriação que se alastrou para outras peças deste período como “Pele”, “Pântano” ou, mais recentemente, “Duelo”.

Deixar um comentário